Inicio / Dietas / Dieta Cetogênica: Alimentos permitidos e proibidos!

Dieta Cetogênica: Alimentos permitidos e proibidos!

Dieta Cetogênica: Alimentos permitidos e proibidos! Quem está na batalha para perder peso está sempre de olho nas mais diversas possibilidades para seguir com quilos a menos. Estamos falando em dicas, truques, tratamentos, suplementos, dietas da moda… ou seja, diversas opções para todos os gostos e bolsos. E uma das alternativas mais comentadas atualmente é a dieta cetogênica. Você conhece?

Caso não conheça, já está na hora de saber mais. Descubra tudo o que precisa saber sobre o assunto!

O que é a dieta cetogênica?

A dieta cetogênica tem um nome que vem do processo de “cetose”. Trata-se de um estágio do nosso metabolismo que acontece quando não temos glicose no organismo: fase na qual o fígado trabalha de forma que transforma as gorduras que ingerimos em ácidos graxos e corpos cetônicos, que posteriormente serão convertidos em energia.

Dietas como a Atkins e a Dukan induzem nosso corpo ao estado de cetose, mas embora o nome parta do mesmo processo, a dieta cetogênica é diferente: enquanto as duas anteriores prezavam pela ingestão de proteínas, a dieta cetogênica tem um cardápio generoso em gordura e mínimo em carboidrato.

Ingerir menos carboidratos – nesse caso a ponto do corpo sentir a escassez – força o organismo a trabalhar sobre a gordura (tanto a consumida quanto aquela já presente) para gerar a energia que gastamos no nosso dia a dia. De acordo com matéria da Boa Forma, essa mudança de papel sobre a gordura tende a reduzir a taxa de gordura corporal até três vezes mais depressa que em uma situação comum. Segundo a mesma matéria, ela favorece também o aumento da massa muscular e a desaceleração do processo de envelhecimento.

Todo mundo pode fazer a dieta cetogênica?

Não. Essa dieta não é indicada para quem tem mais de 65 anos ou possua histórico de doenças como insuficiência renal ou hepática, além de problemas cardiovasculares e AVC. Quem está em tratamento com medicamentos produzidos a base de cortisona também estão na lista de quem deve evitar esse tipo de dieta.

Se você tem algum dos fatores listados acima mas quer tentar, a dieta deve ser autorizada pelo seu médico e acompanhada pelo nutricionista para evitar maiores problemas.

Alimentos permitidos na dieta cetogênica:

Para quem quer começar a dieta cetogênica, o melhor é lançar mão das boas gorduras, ou seja, aquelas consideradas saudáveis e evitar – ou minimizar a quantidade – daquelas que passam por um grande processamento para viabilizar o consumo.

Alimentos como carnes (de boi, porco, peixes e frango), ovo, azeite, óleo, presunto, bacon e salsichas (artesanais), maionese, gelatina e chá sem açúcar estão liberados. Outros itens como abacate e  macadâmia também. Confira a lista:

  • Carnes, peixes e ovos
  • Embutidos como presunto, bacon, linguiça e salsicha – porém nesse caso a recomendação são os artesanais já que os industrializados chegam a utilizar açúcar em sua composição.
  • Óleos, azeite e manteiga (embora a margarina também seja autorizada, pode ser uma boa ideia evitar)
  • Creme de leite, queijos e iogurtes sem açúcar
  • Amendoim, nozes, avelã, castanha, macadâmia
  • Frutas
  • Legumes e verduras
  • Sementes (chia, linhaça e girassol, por exemplo)
  • Molhos como mostarda e maionese

Dieta Cetogênica: Alimentos permitidos e proibidos!

Alimentos proibidos na dieta cetogênica:

Os alimentos proibidos na dieta cetogênica são fontes ricas em carboidratos e açúcar, porém outros também podem estar na lista. Veja só:

  • Arroz, milho e macarrão.
  • Feijão, ervilha, grão de bico, soja
  • Farinha de trigo e aveia
  • Pães e torradas
  • Batata
  • Biscoitos doces, bolo, chocolate
  • Açúcar e adoçantes
  • Leite e achocolatado em pó.
  • Iogurtes com adição de açúcar
  • Pizzas, lasanhas e outros.

Lembre-se de que o fato de serem considerados proibidos não significa que você deva evitar o consumo a todo custo. Pequenas quantidades de carboidratos, por exemplo, devem ter espaço no cardápio, mas em uma quantidade que não exceda 50g ao dia.

Importante:

É preciso lembrar que, para esse tipo de dieta é preciso ficar de olho no cardápio e fazer um esforço para consumir alimentos considerados saudáveis. Além disso vale consultar sim um nutricionista para avaliar se essa é uma opção viável para o seu caso. Isso é válido como um planejamento. Na dúvida, mantenha-se no combo de alimentação saudável, exercício físico e ingestão adequada de líquidos para garantir um emagrecimento saudável e duradouro.

Sua saúde é mais importante que a vaidade, portanto mantenha o foco, certo?

Veja isto!

Plantas medicinais - Ervas medicinais são eficazes?

Plantas medicinais – Ervas medicinais são eficazes?

Plantas medicinais: As pessoas tem sido, cada vez mais, adeptas do uso de plantas medicinais. …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *