Inicio / Artesanatos / Chinelos Personalizados, Seu chinelo velho com cara de novo

Chinelos Personalizados, Seu chinelo velho com cara de novo

De acordo com o dicionário de Língua Portuguesa, um dos significados da palavra “personalizar” é dar caráter pessoal. Ou seja, dar um toque diferenciado em alguma coisa para que fique com suas características, que represente o seu jeito especial de ser, para que as pessoas olhem e comentem: Nossa! Ficou a cara dela! Ou então: Como se parece tanto com fulano (a)! Portanto, é você se retratando na sua obra.
Para que você possa dar esse toque, esse diferencial, que fará com que as pessoas a associem ao objeto, aqui vai a dica de como personalizar chinelos com tecido. A idéia é usar tiras de tecido substituindo as correias; fica um trabalho lindo, cheio de charme e estilo próprio. Escolha o chinelo de sua preferência, o tecido da cor que você mais gosta, liso ou com estampas, e mãos a obra.
Material necessário:


Chinelo de dedo, de sua preferência, pode ser havaina ou similar, tem muitos produtos de qualidade no mercado;
Tiras de tecido à sua escolha; Estilete; Cola quente.

 

  • Agora é só começar a confeccionar a sua obra de arte. Comece retirando as correias originais do chinelo. Pegue duas tiras de tecido e coloque no lugar das correias que você retirou, passando-as pelo furo da parte da frente do chinelo, como mostra a foto.
  • Depois de passar as tiras, dê-lhes um nó na parte que ficou embaixo do chinelo, para que o tecido fique preso. Verifique se o nó ficou firme e então retire as pontas que sobraram, cortando com a tesoura, e acomode esse nó no vão existente na parte de baixo do chinelo.
  • Próximo passo: vire o chinelo com a parte de cima em evidência e dê um nó nas tiras, mas não se esqueça de deixar espaço suficiente para encaixar bem os dedos, sem machucá-los.
  • Agora dê um segundo nó bem junto ao primeiro. Lembre-se que a quantidade de nós depende do estilo de chinelo que você deseja confeccionar, afinal, a obra de arte é sua, e sua criatividade é quem vai direcionar o modelo de trabalho que você quer.
  • Depois de confeccionada essa parte do chinelo, chega à hora de prender as tiras na parte de baixo, dando-lhes um nó para que não se soltem.
  • Passe as tiras pelos furos na parte posterior do chinelo, sendo cada uma das tiras em buracos separados; e faça como fez com o nó dado na parte da frente do chinelo, cortando as pontas de tiras que sobrarem, e acomodando-as no vão existente.
  • Finalize seu trabalho passando cola quente, ou cola universal, para colaras pontas do tecido no solado do chinelo.

Sobre Danubia Schneider

Veja isto!

Papel machê

Como fazer cesta de papel machê passo a passo

Papel machê: Você provavelmente deve receber jornal todos os dias, não é mesmo? Deve estar …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *