Inicio / Diversos / Ciumentos sofrem mais por questões fantasiosas do que com fatos reais

Ciumentos sofrem mais por questões fantasiosas do que com fatos reais

Ciumentos sofrem mais por questões fantasiosas do que com fatos reais: O ciúmes é o grande vilão dos relacionamentos, todos sabem que sentir ciúmes é uma das piores sensações que uma pessoa pode ter. Quem nunca sentiu ciúmes?  Ele pode ser de duas formas, com pouca intensidade ou com muita intensidade, nesse caso pode atrapalhar o relacionamento e até a vida cotidiana, pois o ciumento não consegue parar de pensar no assunto e acaba por não conseguir se concentrar nas suas tarefas.

Ciumentos sofrem mais por questões fantasiosas do que com fatos reais

Extremamente ciumentos

A pessoa ciumenta está sempre sentindo-se traído e incomodado a tal ponto que acaba por virar um escravo do próprio ciúmes. Pessoas extremamente ciumentas, não se dão conta que estão vivendo uma relação doentia, uma vez que a pessoa que é objeto de ciúmes necessita ser cobrada e vigiada o tempo todo para que possa se sentir amada. O que ocorre é que nesse tipo de relacionamento o vínculo que existe nunca é de paz.

Ciumentos sofrem mais por questões fantasiosas do que com fatos reais (Foto: Divulgação)

Ciumentos sofrem mais por questões fantasiosas

Muitas vezes a pessoa ciumenta prefere que o outro a traia de verdade (isso de uma forma inconsciente) para aliviar seu sofrimento e parar com a necessidade de ir atrás de provas da infidelidade, para depois poder dizer aquela frase “Viu Eu Sabia”. As questões fantasiosas são as que mais fazem os ciumentos sofrerem. Isso mesmo criam em sua mente fantasias (imaginam que a sua parceira o está traindo com outro, em qualquer lugar que ela esteja) muito mais do que na realidade. Isso acontece porque os fatos que desencadeiam o ciúmes estão, em sua maioria, ligados ao mundo psicológico ou seja ao inconsciente da pessoa. Mesmo que os pensamentos não encontrem fatos reais, eles promovem o mesmo estrago que a realidade.

Ciumentos sofrem mais por questões fantasiosas do que com fatos reais (Foto: Divulgação)

O ciúmes se manifesta desde quantos anos?

O ciúmes se manifesta aos 3 anos de idade, quando a criança passa a ter ciúmes de um dos pais, não querendo que os dois fiquem próximos. Esse é um sentimento de rivalidade comum na infância, sentimento paterno, mas que a criança pode levar para a vida adulta e depois ser manifestado nas relações amorosas. Normalmente o ciúmes está ligado a baixa autoestima, porém nem sempre a pessoa ciumenta tem uma aparência ruim, ou não aprecia a si mesma. Geralmente junto com o ciúmes vem sentimentos de posse, de inveja, transtornos emocionais, descontrole, entre outros.

Ciumentos sofrem mais por questões fantasiosas do que com fatos reais (Foto: Divulgação)

Quando o ciúmes é patológico

O verdadeiro ciumento está sempre em busca de motivos para a desconfiança, mesmo que o outro não faça nada, qualquer coisa é motivo para desconfiança e já partir para uma investigação profunda, como se estivesse acontecendo algo de muito grave. A pessoa quando é muito ciumenta encontra motivos em tudo, num atraso do horário que foi combinado, em um curso, em uma visita, enfim o ciumento sente um sério desconforto emocional e começa a imaginar que está sendo traído. Quando o ciúmes é patológico a pessoa passa ter certeza de que está sendo traído.

Ciumentos sofrem mais por questões fantasiosas do que com fatos reais (Foto: Divulgação)

Desconfiar da pessoa amada é uma forma de demonstrar que ela não acredita no seu próprio valor, por isso busca no outro a atenção e o amor próprio. Os ciumentos patológicos devem procurar ajuda psicológica para aprender a lidar com as crises de ciúmes e poder ter um relacionamento saudável.

Ciumentos sofrem mais por questões fantasiosas do que com fatos reais

Curtiu as dicas? Veja mais dicas interessantes na página inicial do Passo a passo.

Sobre Bety Krause

Meu nome é Bety tenho duas paixões na vida: ler e escrever. Depois que começo a digitar não consigo mais parar, escrevo de tudo um pouco, informação nunca é demais.

Veja isto!

Quando uma pessoa realmente quer estar com você, ela estará com você

Quando uma pessoa realmente quer estar com você, ela estará com você

Quando uma pessoa realmente quer estar com você: Aprisionar uma pessoa em um relacionamento não …

Um comentário

  1. Josiany simas

    Oi…pelo q vc escreveu eu sou ciumenta ao extremo, todas estas características eu tenho, recentemente eu fiz tudo isso!!!
    Conclusão minha auto estima e baixa, coloco no parceiro toda responsabilidade sobre meu valor…qdo eu gosto, qdo não gosto nada disso acontece.
    Eu me vi em tudo q relatou….após término q fazem 15 dias estou me recuperando…
    Gostava do cara e ele já está com outra namorada jurando amor eterno.
    Então, bola pra frente valeu a experiência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *